A importância de cuidar do seu fígado

O fígado é um dos principais órgãos do corpo humano e sabe por quê?

Porque está ligado a diversos processos vitais e sem ele jamais o organismo funcionaria plenamente, tanto que quando é retirado em um processo cirúrgico ou danificado por alguma doença, o fígado sobrevive pouco mais do que cinco horas.

Os rins são responsáveis por limparem o sangue, eliminando a ureia, substância que leva embora uma série de moléculas nocivas, porém a ureia é fabricada pelo fígado, que também produz diariamente 100 gramas de proteínas.

E não para por aí, o fígado atua destruindo os micróbios que prejudicam as células de defesa no intestino, armazena substâncias fundamentais para o bom funcionamento do organismo, facilita a absorção de nutrientes, elimina os glóbulos sanguíneos envelhecidos e ainda envia energia para todo o organismo. Mas mesmo sendo tão vital, nem todas as pessoas dão a devida importância que o fígado merece.

Como prejudicamos o nosso fígado?

Principalmente nos dias de hoje, o fígado tem sido frequentemente prejudicado por atitudes consideradas “normais” como uma alimentação desregrada, consumo precoce e exagerado de bebidas alcoólicas e uso descontrolado de drogas e medicamentos, principais causas de complicações hepáticas.

Dentre os principais problemas que afetam este importante órgão está a esteatose, um depósito de gordura que prejudica o trabalho do fígado e é um fator de risco relevante para o diabete tipo 2 e a formação de placas que entopem as artérias.

A esteatose costuma estar associada à obesidade, consumo excessivo de álcool, que também pode causar outro problema muito grave: a cirrose. Além dessas duas condições, existem as infecções virais chamadas de hepatites, que podem ser A, B e C, responsáveis por inflamar essa glândula.

Geralmente, estas complicações não manifestam sintomas propriamente na região do fígado, o que é um agravante para o diagnóstico precoce destas doenças e consequentemente para o tratamento rápido que possibilita mais chances de cura.

Cuide do seu fígado!

Agora que já falamos sobre as funções deste órgão e das complicações hepáticas mais comuns, também separamos abaixo alguns cuidados que podem garantir a saúde do seu fígado. Confira:

  1. Fique atento à sua alimentação!

Mantenha um peso corporal saudável e adote uma dieta equilibrada com baixo teor de gordura e açúcar, mais proteína e fibras. Priorize nas suas refeições vegetais, legumes, frutas e grãos integrais.

  1. Limite o seu consumo de álcool

Beba socialmente e com consciência. Você sabia que o álcool consumido, metaboliza no fígado e produz substâncias altamente tóxicas? Esse processo pode levar a doenças graves como cirrose, hepatite alcoólica e esteatose hepática.

  1. Pratique atividades físicas

É um consenso geral que as atividades físicas fazem muito bem à saúde e o fígado é um dos principais beneficiados, porque exercitar-se regularmente controla o colesterol, diminui a gordura no fígado e previne diversas doenças.

  1. Faça seus exames de rotina

Como falamos, as doenças hepáticas são silenciosas e dão sinais somente quando estão em um estágio mais avançado, mas quando o diagnóstico é realizado precocemente, as chances de reverter o quadro clínico são maiores. Para que as chances de um diagnóstico precoce aumentem, é fundamental realizar check-ups de saúde anuais.

  1. O que evitar…

Nunca se automedique, pois diversos medicamentos podem causar danos ao fígado. Também não utilize seringas e agulhas de outras pessoas, assim como outros objetos de higiene pessoal como lâminas de barbear e utensílios de manicure. Não descuide da sua higiene pessoal e, além disso, use preservativo em todas as relações sexuais para evitar doenças sexualmente transmissíveis como, por exemplo, a Hepatite C.

Anelise Taleb

Farmacêutica e Bioquímica

Referências

6 cuidados para ter um fígado saudável

http://www.gastrooncologia.com.br/6-cuidados-para-ter-um-figado-saudavel.html

Por que é importante cuidar da saúde do fígado?

http://www.portaldasaude.net/saude/42/por-que-e-importante-cuidar-da-saude-do-figado

Força, fígado

https://super.abril.com.br/saude/forca-figado/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *